Chegou, mamou e vazou

Tinha acabado de tomar um banho; meu pau estralado na vontade de ao menos receber uma boa mamada.

Sou Jean, tenho 25 anos, 1.75 de altura, 80kg, cabelo curto e olhos castanhos, sou branco com tatuagem em todo braço esquerdo, trabalho como atendente em um shopping aqui de Campo Grande.

Não sou estilo apegado a academia mas apareço pra tirar o stress de lidar com gente.

Moro sozinho e tem suas vantagens, uma dela e aproveitar o espaço pra fazer o que bem entender sem dar satisfação a ninguém, e como disse estar com tesão e a vontade de por macho pra mamar.

Ler mais

Consertando o PC do musculoso

Primeiro conto que escrevo sobre a primeira vez que tive algo com um cara. Vou chamar ele de Diego. Era alto, cerca de 1,80m. Corpo largo e musculoso. Pele morena, cabelo e olhos castanhos.

Muitas vezes quando eu voltava da escola eu via esse cara musculoso que fazia academia todo dia. Ele voltava fazendo corrida com uma bermuda de futebol bem fina e a camisa suada por cima do ombro.
Tinha zero contato com ele e não tinha nenhum jeito simples de puxar um assunto com ele. Na época eu também nunca tinha tido nada com ninguém então ficava só na minha imaginação no banheiro. Foram muitas homenagens.
Um dia um amigo meu que conhecia o bombado falou que ele tava precisando de ajuda com o PC dele que tava com problema. Eu me ofereci pra ajudar. Talvez na esperança de ficar um pouco mais perto dele e quem sabe acontecia alguma coisa.

Ler mais

Brotheragem com o melhor amigo hetero

Sabe aqueles dias que a gente quer transar, mas a preguiça de procurar alguém é tão grande que a gente acaba decidindo ler um conto erótico e se masturbar??? Então, eu estava nesse dia.

Era o auge da pandemia, todo mundo preso em casa, isso acabava dificultando ainda mais pra conseguir alguém pra transar, mesmo morando sozinho.

Comecei a ler o conto, era uma história de um trisal, tava bem na parte do trenzinho, uma delícia. Eu estava quase gozando quando ouço o Guilherme me gritando no portão.

Ler mais

Mamei o calouro novinho

Sou de verdade muito fã de putaria. Adoro sexo e apesar de ser ativo não resisto a chupar uma pica suculenta. Aqui na cidade onde moro resolvi ingressar numa universidade de direito. Tenho mais de 30 anos e vi uma grande oportunidade de me desenvolver intelectualmente em outra formação acadêmica… Fui cursar direito. Eu e meu namorado temos algumas aventuras desse tipo, nossa relação é aberta. Bom , a primeira coisa que fiz foi baixar o grider e caçar…pensei que haveria muitíssimos novinhos com tesão e a fim de putaria. De certo modo não me enganei. Um desses novinhos era recém chegado na universidade, era o primeiro dia dele por lá e eu achei interessante o perfil… Puxei assunto e disse que gostaria de chupar ele no banheiro. Ele estava receoso, porém topou.

Ler mais

Fiz um Casado de Putinha

Essa história aconteceu quando eu tinha uns 19 anos. Depois da experiência de levar rola do Meu tio (irmão do meu padrasto), eu fiquei com muita vontade de comer um cuzinho, mas ele não liberava e era um pouco ciumento: dizia que eu não podia encontrar mais nenhum outro homem a não ser ele.

Me vendo nessa situação eu não tive escolha a não ser ir atrás de um cuzinho para satisfazer minha curiosidade. Passei alguns dias na caça entrando no bate papo e teclando. Aquela mesma enrolação de sempre até que comecei a teclar com um cara casado com Nick: CasadoMacho.

Me apresentei: negro, 19 anos, 180m, 17cm, 90kg, barba preta, coxas grossas. E o CasadoMacho: Moreno, 27 anos, cabelo curtinho quase careca, 169m, 70kg, parrudinho, 16cm, sem barba.

Ler mais

Minha primeira experiência gay

Este conto (REAL) relata a minha primeira experiência gay que tive. Desde de pequeno tive vontade de me relacionar com homens, eu me imaginava como a mulher dando o cu ou chupando um pau. Sempre tive 3ssa vontade mas nunca coragem de fazer algo. Me masturbava imaginando mas nunca tinha feito. Passado muitos anos me casei com uma mulher e de cee em quando conversava no bate papo com alguém mas não passava só de conversas.
Na época eu tinha 29 anos, hoje tenho 36 sou moreno claro, tenho olhos claros, cabelos bem curtos3, pouca barba, poucos pelos no corpo Bundao grande, 1,76 de alt e 86 kg, corpo normal.

Ler mais

Com o vendedor hetero casado

Bom, essa historia começou quando eu fui em uma loja de uma operadora, no maior shopping aqui da cidade.
Fui com o intuito de fazer uma plano de internet para mim, pois uso muito na rua, e lá fui atendido por F ( fictício ) que fez tudo o que eu precisava e como sempre meu lado puto falou mais alto e eu pedi o whats dele pra me ajudar quando precisasse ou quando quisesse assinar mais algum outro serviço que a loja dele vendia.
Pois é , eu chamei ele e passamos um ano conversando e tal, e descobri que ele nunca tinha feito nada com homem, mas que eu consegui deixar ele com vontade, mas confessou que sempre teve curiosidade kkk.

Ler mais

Amigo Bêbado

Chamei um amigo hétero da faculdade por quem eu tinha um puta tesão para assistir filme casa. Bebemos e ele apagou. Foi a minha chance…

Foi numa noite cuidadosamente planejada. Estávamos na faculdade, primeiro período. O Bruno era um grande amigo, mas sempre olhei diferente pra ele. Branquinho, carinha de baby, apesar de não sermos tão velhos (na época, 18 ou 19 anos). Tudo nele me encantava: poucos pelos, o sorriso, o cabelo. Mas tinha uma coisa que me deixava intrigado, nunca tinha visto volume na calça dele. Sempre tive uma queda por paus pequenos, não sei bem o porquê, mas eles me excitavam muito. Um dia tomei coragem para colocar um plano que havia pensando durante muito tempo em ação.

Ler mais