O Amigo da Academia

Atualmente tenho namorada, apesar de me considerar bissexual (não-assumido) são raras as vezes que sinto atração por algum homem e mesmo assim nunca cheguei aos finalmentes, a situação que irei relatar agora foi o mais longe que fui.

Tenho 24 anos, sou do interior de Minas Gerais, Uberlândia, sempre morei aqui e tive vários amigos a escola e depois na faculdade. Recentemente conheci um rapaz de 22 anos na academia e ficamos bem próximos, temos gostos parecidos e ele também tem namorada. Nunca havia suspeitado de nada do lado dele até que um dia depois do treino tive que tomar um banho na academia.

Ler mais

O Taxista

Meu nome é Pedro, tenho 48 anos, 1,75m 67kg, corpo normal, pele clara, careca raspada, separado, bissexual.

Sou muito na minha, e as vezes até perco alguns lances, por agir sempre com discrição, para não me expor. Não levanto bandeira alguma, apenas é o meu jeito, e respeito os outros pensamentos e maneiras de ser.

Com homens sou preferencialmente passivo e se o cara curtir, bem submisso na cama, topando as mais diversas safadezas para satisfazer meu parceiro, entre quatro paredes.

Ler mais

Primeira experiência Bissexual

Voltei recentemente ao site contando sobre uma experiência inusitada que tive e que posteriormente falarei mais a respeito. Hoje, porém, relembrei da primeira vez que tive uma relação sexual com outro homem e senti uma enorme vontade de escrever a respeito.

Tenho 1,74m, olhos castanhos, cabelo liso, quase preto, curto e bastante desfiado que uso sempre bagunçado e natural, sem gel ou pomada. Barba cheia, não muito comprida e também quase preta como meu cabelo. Hoje, com 30 anos, tenho um corpo mais definido do que tinha aos 17, época desse conto. Também não usava barba e meu cabelo era mais comprido do que hoje em dia, com franja e cobrindo em parte as orelhas.

Ler mais

Passageiro do prazer

Após a descoberta da minha bissexualidade, e com o avanço da idade senti que tudo precisava ser mais frenético, pois havia aquela vibração que excitava e também incitava; nesse clima procurei ser um pouco mais ousado colocando anúncios em sites de classificados em busca de novos parceiros com os quais pudesse desfrutar, sem medo, das guloseimas da vida; recentemente conheci o Roberto um motorista de aplicativo que se declarava carente e carinhoso. Iniciamos uma tórrida troca de mensagens via whatsapp com direito a fotos picantes com poses provocantes que durou quase um mês antes que tivéssemos coragem de passar para o próximo estágio.

Ler mais

Sendo Penetrado pela esposa

Janaina estava acordada na cama. Pedro estava dormindo ao lado dela. Agora era assim, uma fodidinha rápida e, em seguida, ele caia no sono, deixando-a com tesão e insatisfeita. Ela não estava acordada nem dormindo, em um torpor estranho da mente. Ele podia sentir o robe de cetim que acariciava os mamilos empinados e deixava fluir seus pensamentos, onde eles queriam, em direção de uma fantasia erótica que já tinha sonhado muitas vezes: ela entre dois homens que a fodiam até deixa-la esgotava. Imaginava todos os detalhes: os dois na frente dela com o pau duro, chupalos, ficar de quatro e tentar entender quando um dos homens trocava com o outro fodendo-a por trás. Sem perceber, sua mão passava os dedos entre os lábios da bucetinha, o clitóris duro e excitado demais.

Ler mais

Me descobri bi com meu amigo

Me chamo Marcos, 26 anos, branco, cabelos castanhos claros olhos mel, peito com alguns pelos, 1,80 de altura. Era sexta feira já estava indo para casa quando meu amigo Carlos me pede uma carona e como moramos perto o levo em minha moto.
_ Chega ai cara! Ta meio bagunçado, mas sabe como é marmanjo morando sozinho ne? Disse Carlos entrando em seu apartamento pegando algumas peças de roupa em cima do sofá.
_ De boa cara, para mim ta é muito arrumado precisa ver como é meu quarto kkk. Entrei e sentei no sofá.
_ Quer alguma coisa uma cerva gelada, agua, refri?

Ler mais