Meu tio me tirou o cabaço

Meados de 1994 fui passar férias em Santos no apartamento dos meus tios… Meu tio tinha seus 1,90 de altura, negro, gordo bem barrigudo, adorava conversar comigo, sempre saia com ele para ir no mercado e ou fazer algo para minha tia. Até que um dia meu tio saiu e levou minha tia para algum lugar onde voltaria mais tarde para buscá-la… assim que retornou para o apartamento chegando tocou a campainha para eu abrir a porta… como no momento estava tomando banho fui de toalha no corpo atender a porta… assim que abro a porta e meu tio me vê só de toalha o olhar dele foi assustador, parecia um tarado me olhando e de cara já apertou meus mamilos e disse que eram uma delícia…

Ler mais

Mamando o Sobrinho do marido

Mais relato das minhas putarias. Eu tenho 1,70 74 kg, moreno claro e sou uma putinha na cama, daquelas que adora ser objeto de macho e adoro me sentir bem viadinho com uma pica grande e grossa no cuzinho.
Mas nem sempre eu fui assim. Quando mais jovem era aquele cara apaixonado que acreditava que ia casar com um príncipe. Mas fui muito enganado e então um dia decidi que nunca mais iria deixar ninguém brincar com meus sentimentos, me tornando essa vagabundinha safada e gulosa que sou hoje.

Ler mais

Meus dois sobrinhos dotados

Olá gente ! Tenho dois sobrinhos,filhos do meu irmão Só que esse irmão,e filho de meu pai com outra mulher,e ambos moram em Minas ! E sempre eles vem aqui na Bahia nos visitar,e gostam de ficar na minha casa. Amo meus sobrinhos , tanto como homens, e sobrinhos tbem ! E no mês de fevereiro, eles vieram e ficaram aqui em casa! E toda vez que eles vem,compramos vinho,ligamos o som, ficamos ouvindo músicas e tomando vinho ! E dessa vez, o clima esquentou,colocamos um samba gostoso de sambar ! E começamos nossa festa,sambando, e o vinho subiu pra cabeça , acendeu um fogo,dentro de mim ! Dançava e passava,o rabo nos paus deles , e continuamos a dançar,ou

Ler mais

Ensinando meu irmão a gozar

Vou me apresentar rapidamente, na época do ocorrido eu era magricelo, peludo ( sempre fui, desde da adolescência), tinha 19 anos á epoca era baixo, 1.65.

Eu tenho um irmão 5 anos a menos que eu e sempre fomos muito grudados, muito amigos mesmo, só que aos 18 sai de casa e fui morar em umas das casas da família, ideia de meu pai, pois eu sempre chegava tarde, eu não bebo, mas amo sair com colegas e madrugar.

Mesmo depois da mudança meu irmãozinho não parou de me visitar, todo dia o moleque vinha na minha casa assistir e e jogar, eu tinha um vídeo game, não era um Playstation, mas era bom.

Ler mais

Pai e filho na quitinete

Após 17 anos de casamento e um filho, minha esposa me deixou. Sempre foi uma mulher ausente na casa, no nosso casamento e na educação do nosso filho Tiago. Sua preocupação maior sempre foi a carreira e os compromissos com amigos do trabalho. Devido ao meu amor e ao nosso filho, sustentei nossa relação todos esses anos. Nos dois últimos anos, a relação dela comigo e com o filho foi-se tornando cada vez mais insustentável. Há alguns meses, ela nos comunicou que se separaria de nós e que viveria com o dono da empresa na qual trabalha, pois isso seria muito bom para a sua carreira. No entanto, exigiu que nosso apartamento fosse vendido e dividido em duas partes, pós ela tinha planos para o dinheiro que receberia. E determinou que o Tiago viveria comigo, pois não tinha como levar um filho adolescente para viver com seu novo marido. Apesar do choque, até meu filho achou que a separação era a melhor solução, uma vez que confirmava o que não gostávamos de aceitar, ou seja, que nós dois não tínhamos importância para ela.

Ler mais

Reencontro com o primo safado

Quando mais novo, tive algumas experiências com meu primo que era um pouco mais velho que eu, seu nome era Júnior. Andávamos sempre juntos e como a maioria dos meninos, trocamos algumas experiências sexuais. Passei a fazer boquete no Júnior quase todos os dias, até que nos afastamos. Nos afastamos repentinamente, mas sem um motivo específico, apenas estávamos tendo rotinas diferentes e não tinhamos tempo para andarmos juntos. Anos se passaram e apesar da distância, o nosso carinho continuou o mesmo e nunca mais tocamos no assunto, às vezes conversamos no máximo uma vez por ano. Até que um dia, nossa família resolveu viajar para um sítio durante uma semana.

Ler mais

Mamando o primo novinho

Oi gente, para quem não leu o outro conto eu me chamo Caio, as descrições estão nesse outro conto e eu recomendo que vocês vão ler para entender o que se passa aqui.

Eu não parava de pensar no que tinha feito com o Eduardo e depois de uns 3 dias, já na minha casa, eu comecei a enxergar o que tínhamos feito com outros olhos. Comecei a bater punheta todos os dias pensando nisso. Logo veio o arrependimento de não ter dormido com ele na noite em que decidi dormir sozinho.
Continuei na punheta imaginando até que decidi ir a casa dele tentar fazer algo, moramos bem perto um do outro e uma noite eu fui lá e fiquei conversando com a minha prima, irmã dele, e assistindo tv. Enquanto isso ele no quarto que ele dividia com minha prima jogando no computador como um verdadeiro viciado.

Ler mais

Virando a Putinha do Titio

Esse relato aconteceu já tem alguns anos, em 2016, mas lembro como se tivesse sido ontem. Na época estava com quase 18 anos, por volta de 1,75 de altura, uns 80kg, coxas grossas, bunda carnuda, 16/17cm, corpo mais gordinho e peludinho.

Atualmente tenho quase 25 anos, estilo urso/bear, ainda com coxas grossas, bunda carnuda, 17cm, corpo forte gordinho/parrudinho e peludinho, com 1,80 de altura, uns 98kg.

Fui passar as férias no sertão da Bahia, na casa da minha Avó. No local só tem roças, então acontece muito trabalho braçal. Nunca tive muito contato com esses parentes pois ia visitá-los bem raramente e eles também muito dificilmente vinham nos fazer uma visita.

Ler mais