O hetero da academia

Já faz um tempo que isso aconteceu, eu conheci o Bryan numa quarta feira. Tava no meu antigo namoro q não rolava sexo. Na época eu não trabalhava. Então usava esse tempo pra caçar umas passiva na cidade.
Dessa vez foi eu entrando no chat da UOL. Nunca botei fé que ali ia achar alguma coisa.
Quando não é uns tiozão casado é cara que não me atrai ou sem noção.
Como de costume, tava batendo uma e esolvi entrar lá soh pra provocar.
Vi um Nick “novinho lindo”.
Fui chamar ele pra conversar e a principio, nao. Botei fé q o muleque seria gostoso daquele jeito.

 

Fomos pro whats, nas conversar mandei nude e ele tbm. Corpo gostoso pra caralho, se dizia “hetero” e segundo ele que eu ia curtir. Q era pra dar uma chance.

O nome dele era fake e acredito q toda a história q ele me contou tbm. Mas o foco nem era esse.
Sai de casa por volta das 2. Passei na porta da academia onde ele treinava de carro. Ele me viu, veio ateh o carro e entrou.
Ali começou a me secar, a falar q tinha pouco tempo, porque tinha mentido pra sogra q iria treinar.

 

Quando chegamos em casa, já fomos pro quarto. Ele era bem Mais baixo q eu 1.70 por ae. Moreno, corpo definido e bunda avantajada.

Conversamos mais um pouco, ele deitou na cama e atendeu a chamada da sogra, q queria q ele fosse na padaria comprar umas coisas pro cafeh da tarde.
Devia ter seus 19 anos.
Eu vendo ele conversando, não perdi tempo. Abri o shorts, e comecei a mamar ele.
Ele já tinha babado um pouco, não sei se foi porque me viu e tals.
Ele tentava segurar o gemido e eu la mamando ele.

Me contou diversas histórias, q namorava uma menina, morava junto com ela e não sei oq.

Quando ele desligo, virei ele de bruços. Ele tirou a camiseta e dei um jeito de tirar o resto.
Fui beijando as costas dele, descendo ateh o cuzinho.
Dava uma lambida e subia ateh seu pescoço.
Tirei a camiseta, a calça e continuei.
Enfiava a língua no cu dele e ele gemia gostoso pra mim.

Não demorou muito, catei o lubri e passei no pau.
Quando fui pra colocar ele já saiu falando.
-tem camisinha ae?
-pior q nao
-então melhor não
-deixa vai. Não tenho nada.
-não velho, não dá

Esfreguei a cabeça do meu pau no cu dele. Ele deu uma arrepiada.
Falava não, mas tava ali, empinando o rabo.
Quando comecei a colocar, ele disse q não era pra eu gozar dentro, era soh um pouco.

-aiii caralho… Teu pau é grosso.
Olhava pra aquela bunda morena, meu pau entrando. Não demorou muito e ele ficou avontade.
Pela forma q ele me dava, ele não era hetero por nada.
Quando comecei a bomba, ele virou pro lado e disse q era melhor parar.
-para, tu tá gostando
-ta, soh mais um pouco.
Botei pra dentro denovo.

Eu tirava e colocava denovo, exibia a rola pra ele e via aquele cuzinho moreno engolindo meu pau.
Ele tava muito arrisco, toda vez q eu pegava ele de jeito, ele saia. Dizendo q sem camisinha não.
Mas logo depois eu botava denovo e ele deixava.

Tava morrendo de medo de eu leita o cu dele.
Já q nao tava dando pra manter um ritmo. Comecei a caçar ele.
Ele virava eu chegava e botava denovo.

Virei ele de frango, ergui as pernas e deixei seus pés no meu peito.
Fui socando…
-calma Lucas…. ta doendo
-porra muleque, q cuzinho gostoso da porra. Olha isso. Bundao gostoso.

Fui metendo. Ele batia uma e eu lá socando.
Era hora de lambuzar ele pra parar de ser fresco.

-abre a boca
Senti meu pré gozo vindo.
Subi no peito dele e enfiei minha rola na boca dele.
Quando meu pau começou a babar, segurei a cabeça dele e deixei ele sentir o gosto.
Ele começou a tossir e reclamar.
-Lucas… não goza em mim caralho.
Voltei pro cuzinho dele.
-para de ser fresco muleque
-eu não quero
-e tua pica tá babando porque?
-não caralh…. (soquei denovo)
Aaaaa…. meu cu… ta doendo Lucas… tira
-calma bb. Deixa eu meter vai
-meu cuzinho Lucas… se ta arrombando ele
-eu sei
-Teu pau eh muito grosso. Aaaaai
Fui metendo ateh q ele não aguentou e saiu.
Virei ele de costas e segurei ele na cama.

-fica quieto porra. Tu gosta
Ele parou de resistir.
Fui metendo e estocando no cuzinho dele.
-eu vou gozar Lucas. Aí. Para….
Ele vira, quando o pau dele começa a jorrar leitei, vou lá e chupo tudo.
-minha vez….
-não Lucas.. no cu não…. aí.. ..
Cato ele de lado, vou socando ateh leitar o rabo dele.

No caminho da volta, ele me fala
-agora sei pq se disse q os passivo reclamam da tua rola. Não eh pelo tamanho, ele eh muito grosso. Meu cu tá doendo ateh agora.
Eu ri e deixei ele um pouco antes da academia.

Deixe um comentário